BALUARTES
 

Baluartes, estas fortificações defensivas oliventinas, tiveram o início da sua construção em 1641, no inicio da Guerra da Restauração da Independência. As obras deste complexo sistema defensivo denominado Vaubon, terminaram no fim do século XVII.

Apresentam a forma de um ovolo estrelado, com muros até 10 metros de altura, e que podem ser contemplados desde muito longe, contando com um total de nove baluartes com nomes tais como o de Santa Quitéria, a Corna, Cortadura, ou Santa Catarina, da Rainha Governadora, do Príncipe, de S. Brás, etc.

Este sistema defensivo do qual apenas ainda se conservam alguns lanços, era complementado com uma espécie de avançadas conhecidas popularmente como lunetas ou revelins.


Copyright © 2003 Grupo dos Amigos de Olivença Política de Privacidade